Pular para conteúdo

Notícias

11 agosto 2014

Emaús se prepara para receber o Barco da Paz


Na próxima sexta-feira, dia 15, aporta em Belém um dos maiores, mais importantes e inusitados projetos sociais do mundo: o transatlântico Peace Boat (Barco da Paz), uma Organização Não Governamental japonesa que se dedica a viajar pelo mundo ajudando vítimas de desastres naturais, epidemias, violência e outros problemas. O barco viaja com quase mil pessoas, mas em Belém cerca de 120 passageiros vão passar o domingo, 17, na Cidade de Emaús, sede do Movimento República de Emaús, onde terão uma manhã de intercâmbio, jogos, conversas e “mergulho” na periferia da cidade, o bairro do Bengui.

A visita a Belém faz parte da 84ª expedição do Peace Boat, que começou no dia 09 de julho em Yokohama, no Japão, e termina dia 21 de outubro, na mesma cidade.  O barco já passou por cidades no Panamá, Nicarágua, Venezuela e Bolívia. Para acompanhar a agenda do banco, acesse http://www.peaceboat.org/english/?page=view&nr=109&type=4&menu=64 .

Na Nicarágua, por exemplo, os ativistas falaram sobre a importância de reagir a terremotos e vulcões (situações que atingem o país com frequência). Os projetos da organização também contribuem com ações de paz, reconstrução de cidades, sustentabilidade, entre outros. No Pará, o tema vai girar em torno da violência urbana, crianças e adolescentes em situação de rua e drogadição.    

No Movimento de Emaús, ONG fundada em 1970 em Belém, há a expectativa não somente de discutir ações importantes, como receber apoio técnico e financeiro para desenvolver projetos para atender crianças em situação de rua, oferecendo a elas esporte, cultura e lazer. Atualmente, o Emaús atende mais de 2 mil crianças com recurso oriundos quase totalmente de doações.

Essa será a segunda vez que o Emaús recebe o Peace Boat. A ONG paraense é uma referência por conta de intercâmbios permanentes de estudantes e pesquisadores japoneses que se interessam em conhecer o trabalho desenvolvido em Belém,sobretudo no bairro do Jurunas.       



  • Banco do Brasil
  • Caixa
  • CDP
  • ICCO
  • Prodepa
  • cosanpa
  • Celpa